Oi queridos alunos, tudo bem?

Segue análise inicial e extraoficial da prova de Espanhol. Logo mais, analisaremos o gabarito oficial…

Fiquei satisfeita com o texto de espanhol, achei que estava bem acessível, não era muito extensa e foi possível entende-lo bem, vocês concordam?

No nosso curso utilizei a seguinte estratégia: apresentar a vocês o necessário para responder as questões na hora da prova. Não quis me aprofundar em assuntos que poderiam confundi-los ao invés de auxiliá-los e tentei ao máximo expor assuntos relevantes que poderiam ser importantes no dia da prova.

Enfim, espero de coração ter conseguido ajuda-los no seu objetivo. Vamos conferir o gabarito extraoficial?

TEXTO:

Los robotsya no solo se dedican a construir coches o

alembalaje de cajas, sino que han abandonado el terreno

meramenteindustrial para adentrarse em campos que, hasta no

hace demasiado, eran exclusivos de los humanos, Yason

capaces de pintar quadros, de escribirlibros y, en definitiva, de

parecer cada vez menos unamasijo de cables limitado a tareas

repetitivas. Y no solo por dentro, también por fuera, que hacen

soñarconun futuro lleno de replicantes a loBladeRunner. ?El

problema? Que son aterradores.

Esta sensaciónyafue explicada por Mashiro Mori en

1970 enlo que élmismodescribe como “elvalle inquietante”.

A grandes rasgos, viene a decir que la afinidade de las personas

conlosrobotsvacreciendoa medida que estosparecen cada

vez más reales. Sin embargo, cuandollegan a certo nível de

semejanza, larespuesta emocional positiva  se convierteen

negativa. Pasan de ser adorablesautómatas a sobrecogedoras

réplicas de seres vivos que en realidade no loestán. Cuandoesto

ocurre, se entraria enese “valle” descrito por el investigador nipón.

Aunquela teoria de Mori intenta explicar las

implicaciones psicológicas de lainteracciónconlosrobotscreados

aimagen y semejanza de los humanos, esta no termina de

aportar suficientes evidencias científicas. Conrespeto a eso,

el professor de psicologia social Miguel Garcia Saiz, de la

UniversidadComplutense de Madri, sostiene que “quizássea

unplanteamiento teórico o, como mucho, posibleshipótesis a

comprovar. Haymuchasvariables implicadas que puedenhacer

quereacciones de una manera u outra ante estosrobotstan

humanos”.

12- Las formas verbales “llegan” (l. 14) e “pasan”  (l.16) remiten a “losrobots” (l.13).

CERTO

Estes dois verbos estão relacionados com “losrobots” realmente. Quando perguntamos: Quem parece cada vez mais reais? Os robôs.

Quem chega a certo nível de semelhança (com os humanos)  e a resposta emocional positiva se converte em negativa? Quem chega são os robôs.

13- El término “aunque” (l.19) puedesustiuirse por laconstrucción concessiva A pesar de que ,sin que ocurran câmbios semânticos significativos.

CERTO.

As duas expressões indicam concessão, sendo assim, ao serem substituídas, elas não mudarão o sentido semântico (significado) da oração.

14- El uso de “quizás” (l. 24) indica dudao probabilidade.

CERTO.

A expressão “quizás” é um advérbio  indica sim, dúvida ou probabilidade.

15- La sensación de que losrobotsson aterradores proviene de los rasgos psicológicos que ellos, al parecer más reales, comenzaron a tener.

ERRADO.

Pessoal, o que eu sempre falo para os meus alunos: interessa somente o que o texto afirma, certo ou errado não nos cabe julgar.

No texto não é falado nada sobre os traços psicológicos apresentados pelos robôs, ele fala sim, em implicações psicológicas (resultantes…) da interação COM robôs criados a imagem e semelhança dos humanos.

A sensação aterradora se dá ao fato da semelhança com os humanos ser cada vez maior.

16-  Para el investigador Mashiro Mori, la simpatia de los humanos para com losrobots aumenta cada vez más.

ERRADO. Quando no texto fala que quando chegam a certo nível de semelhança a resposta emocional positiva se converte em negativa podemos entender que o que era bom, deixou de ser… Então não podemos afirmar que a simpatia dos humanos pelos robôs aumenta cada vez mais.

Abraços!

Professora Jacqueline Mariotti.

Receba nossas novidades por e-mail

Autor(a): Professora Jacqueline Mariotti

Formada no curso de Letras em Língua Portugues e Língua Espanhola e respectivas literaturas. Curso extensivo sobre o ensino da Língua Espanhola e curso de formação de professores expedido pela Universidad de Salamanca na Espanha. Vasta experiência com alunos de cursos preparatórios para concursos e pré-vestibulares.

  • Quebrando a cabeça com Direito Constitucional, concurseiro? Facilite os seus estudos com os resumos descomplicados da Livraria do Ponto! http://bit.ly/livro_resumo
  • A persistência é a chave para entender qualquer matéria, concurseiro!
  • Tome nota de algumas regras básicas de uso da vírgula!
  • Resumo da vida do concurseiro. 😂
  • SAIU O EDITAL da POLÍCIA FEDERAL, concurseiro! Quer uma preparação completa para a prova? Inscreva-se no Coaching do Prof. Bruno Fracalossi e garanta a sua vaga! bit.ly/coaching_PF ;)
  • Errar é humano, mas a gente pode aprender com os conselhos do Prof. Bruno Fracalossi para poupar tempo e acertar de primeira. 😉 bit.ly/artigo_4erros⠀
  • Agarre as oportunidades, concurseiro!
  • O edital da PF foi lançado, concurseiro! Reforce o conteúdo com os aulões de revisão do Ponto. Confira a nossa programação aqui: bit.ly/auloes_PF

Siga-nos no Instagram

Scroll Up