As provas do concurso público da Procuradoria Geral do Distrito Federal (Concurso PGDF) foram adiadas. De acordo com a publicação do Cebraspe, um novo cronograma será divulgado oportunamente.

Concurso PGDF: provas adiadas

Sobre o Concurso PGDF

O edital da Procuradoria Geral do Distrito Federal (Concurso PGDF) foi lançado com oferta de 100 oportunidades para os cargos de Analista jurídico e Técnico jurídico, além de cadastro reserva. De acordo com o documento o certame será organizado pelo Cebraspe. Acesse AQUI o edital

Segundo a publicação, serão 43 vagas para o cargo de técnico e 57 vagas para o cargo de Analista. Conforme informado, as remunerações são de R$ 4.720,00, para o cargo de técnico, e de R$ 7.320,00, para o cargo de Analista. Confira abaixo os cargos ofertados:

Analista Jurídico – Administração 
Analista de Sistema – Desenvolvimento  
Analista de Sistema – Suporte       
Analista Jurídico – Arquivologia    
Analista Jurídico – Biblioteconomia          
Analista Jurídico – Contabilidade  
Analista Jurídico – Direito e Legislação    
Analista Jurídico – Estatística         
Analista Jurídico – Farmácia          
Analista Jurídico – Jornalismo        
Analista Jurídico – Psicologia         
Técnico Jurídico – Apoio Administrativo  
Técnico Jurídico – Eletricidade Comunicação      
Técnico Jurídico – Tecnologia e informação

Sobre as provas do concurso PGDF

Conforme o edital, a prova objetiva estava com aplicação prevista para o dia 22 de março de 2020. Contudo, por conta das medidas restritivas adotadas pelo surto do coronavírus, a banca divulgará um novo cronograma oportunamente.

De acordo com o edital, os candidatos serão avaliados por prova objetiva composta por 120 itens, sendo 50 de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos, além de discursiva para o cargo de Analista. A duração das provas será de 3 horas e 30 minutos para os candidatos de nível médio e de 4 horas e 30 minutos para os de nível superior.

Último concurso PGDF

O último certame da PGDF aconteceu em 2010 e ofertou 69 vagas, conforme o edital. De acordo com a publicação, foram ofertadas 23 oportunidades para o cargo de Analista e 46 para Técnico. 
Ainda de acordo com o Edital, a remuneração na época era de R$ 6.198,22 para Analista, enquanto que para Técnico, os vencimentos, de acordo com o edital, eram de R$ 4.013,93. O IADES, Instituto Americano de Desenvolvimento, coordenou o certame.

De acordo com o cronograma, todos candidatos foram avaliados por provas objetivas. Para o cargo de Analista, ainda houve prova discursiva e avaliação de título, conforme o edital. Acesse o edital.

Receba nossas novidades por e-mail

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos no Instagram

Scroll Up