O edital do Concurso do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (Concurso TJ SC) ofertará apenas duas vagas imediatas, mas também contará com formação de cadastro reserva. Visto o grande número de vacâncias e o histórico de nomeações do órgão, espera-se que muitos aprovados sejam nomeados.

Conforme dados do Portal da Transparência, o TJ SC tem 148 cargos vagos para nível superior. Enquanto que para nível médio, existem 438 postos vagos. Esse quantitativo não especifica quais cargos estão em aberto.

O novo edital do concurso TJ SC contemplará 1 vaga imediata para Médico e 1 vaga para Analista de Sistemas, além da formação de cadastro de reserva para estes cargos. Também haverá oferta de formação de cadastro reserve para os cargos de Assistente Social, Psicólogo e Técnico Judiciário Auxiliar.

Conforme o último edital, os vencimentos iniciais são de R$3.576,54, para nível médio, e de R$ 6.156,63, para cargos de nível superior. A carga horária para ambos os cargos é de 35 horas semanais, em sete horas por dia ininterruptas.

Histórico do Concurso TJ SC 2018

A última seleção do TJ SC aconteceu em 2018. Segundo o edital, as vagas são destinadas aos cargos de Analista Administrativo (CR), Analista Jurídico (CR), Engenheiro Civil (CR), Oficial de Justiça e Avaliador (05 + CR), Oficial da Infância e Juventude (01 + CR), Arquiteto (01), Engenheiro Eletricista (01), Enfermeiro (01) e Técnico Judiciário Auxiliar (17 + CR). Sendo que, para todos os cargos, será realizada etapa única, com prova objetiva de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório.

A remuneração é de R$ 6.156,63 para os cargos de nível superior e R$ 3.576,54 para os cargos de nível médio, conforme o documento. Confira a seguir os requisitos e atribuições dos cargos em destaque:

Analista Administrativo

Requisitos: Diploma de conclusão de curso de nível superior em Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas ou Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Atribuições: Atividades de planejamento, organização, coordenação, supervisão técnica, estudo, pesquisa, elaboração de laudos, assim como pareceres ou informações e execução de tarefas de elevado grau de complexidade, relativas às áreas da Administração, Economia, Contabilidade e Direito, a fim de fornecer suporte administrativo aos órgãos do Tribunal de Justiça e da Justiça de Primeiro Grau relacionado a recursos humanos, material e patrimônio, licitações e contratos, orçamento e finanças, controle interno e auditoria, segurança e transporte, bem como outras atividades complementares de apoio administrativo. Por fim, atuar como conciliador ou mediador, por designação da autoridade judiciária a que estiver subordinado.

Analista Jurídico

Requisitos: Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Atribuições: Atividades de planejamento, organização, coordenação, supervisão técnica, estudo, pesquisa, elaboração de laudos, pareceres ou informações, e execução de tarefas de elevado grau de complexidade, a fim de fornecer suporte jurídico-administrativo aos órgãos do Tribunal de Justiça e da Justiça de Primeiro Grau. Por fim, atuar como conciliador ou mediador, por designação da autoridade judiciária a que estiver subordinado.

Oficial de Justiça e Avaliador

Requisitos: Diploma de conclusão de curso de nível superior em Direito.

Atribuições: Atividades externas de cumprimento de mandados judiciais, na forma estabelecida pela legislação processual; fazer pessoalmente citações, prisões, penhoras arrestos, sequestros, e demais diligências próprias do ofício; efetuar as intimações, na forma, assim como nos casos previstos na lei; comparecer a juízo, diariamente, e aí permanecer durante o expediente do foro, salvo quando em diligência;  executar as ordens do juiz; exercer as funções de porteiro de auditórios onde não houver privativo; por fim, estar presente às audiências e coadjuvar o juiz na manutenção da ordem, entre outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade. (Resumo das atribuições. Confira na íntegra aqui.)

Técnico Judiciário Auxiliar

Requisitos: Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível médio completo, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo MEC.

Atribuições: Atividades relacionadas a serviços de organização, execução e controle de serviços técnico administrativos. Por fim, atuar como conciliador ou mediador, por designação da autoridade judiciária a que estiver subordinado.

Acompanhe o andamento de outros concursos na região Sul.

Receba nossas novidades por e-mail

  • Será que foi sorte todo esse percurso, concurseiro? 😂
  • Pra ficar esperto nas medidas de ângulos, concurseiro! 😉
  • Procurando materiais atualizados para o concurso do INSS? Achou! Você encontra cursos completos e atualizados com a nova previdência aqui: bitly.com/cursos_INSS
  • Também fica se perguntando como isso aconteceu, concurseiro? 😂
  • Pra fechar a prova de gramática, concurseiro! 😉
  • Alguém faz parte do 1%? 😂
  • Tem algum concurseiro dramático aí? 😂
  • Para se chegar até onde se deseja é preciso ter em mente que desistir não é um caminho. Faça valer cada esforço, concurseiro! 🙏🏽

Siga-nos no Instagram

Scroll Up